Filmes

Crítica | Depois Daquela Montanha: Um bom filme de ação para os amantes do gênero

Imagine precisar de um voo com urgência porque seu casamento é amanhã ou porque tem uma cirurgia marcada para o dia seguinte cuja a vida do paciente depende de você. Tentando correr contra o tempo, você resolve fretar um avião particular junto com um desconhecido que acabou de conhecer no aeroporto, que está na mesma situação.

Só que ao invés de chegar ao destino como esperado, a solução acaba se transformando num problema ainda maior, pois o piloto tem um ataque cardíaco durante a viagem e o avião cai num lugar no meio do nada, distante de tudo e cheio de perigos eminentes. O que você faria para sobreviver?

Essa situação narrada é justamente o que ocorre com Alex e Ben, personagens da maravilhosa Kate Winslet e do Idris Elba (que fez o marido da Beyoncé, em Obssessiva, filme de 2009) em Depois Daquela Montanha.

Após a morte do piloto, os dois contam apenas com a companhia do cachorro deixado por ele e com a do outro. Se quiserem ter alguma chance de saírem vivos de lá, precisam deixar o egoísmo de lado e se manterem unidos a fim de achar comida, abrigo longe de animais perigosos (como a puma que entra dentro da cabine de Kate, que é salva graças a um sinalizador) e principalmente, alguém que os resgate de lá.

Desde o início, parecia claro que surgiria algum envolvimento entre os dois. O que nos restava saber se seria algo duradouro ou apenas algo passageiro motivado pela proteção e segurança que um proporcionava ao outro. Kate tinha um futuro marido esperando por ela, mas apesar de ser apaixonada por ele, não sabia se um dia voltaria a vê-lo devido a situação em que se encontrava.

Diante disso, tinha Ben, o homem que estava junto com ela e que estava, acima de tudo, fazendo o possível e o impossível para garantir sua sobrevivência. Ben é um homem que guarda um grande sofrimento dentro de si por não ter sido capaz de salvar a vida de sua falecida esposa quando ela foi sua paciente. Por isso, quer de certa forma, compensar o que não pôde fazer por sua mulher, através de Kate.

O filme não mostra como era a vida de casados de Ben e Kate, mas pelo pouco que falam dá para perceber que ambos eram e ainda são muito apaixonados por seus marido e esposa, consecutivamente. Acredito que por se tratar de um filme de ação, o roteiro não quis aprofundar muito essa questão, pois o foco ali era o presente trágico e de sobrevivência o qual os dois precisavam enfrentar. Ainda que tenha o lado romântico da história e o quanto fica claro a química e entrosamento entre os personagens, o plot principal não é o relacionamento que surge entre eles, mas sim, a própria situação em si. A aproximação entre eles é consequência do que ocorreu.

Depois Daquela Montanha é um filme que agrada até os que não curtem muito esse gênero de filme, pois a trama é feita de forma que consegue prender todo tipo de público. A cena do puma e de quando Ben quase escorrega de um penhasco foram umas das melhores, na minha opinião. O clima de tensão é bem enrolado e desenvolvido durante todo seu tempo de duração, principalmente na cena do puma.

Contudo, a melhor cena fica a cargo da última, por ser um momento muito esperado após a volta deles para o mundo real. Fica impossível não se envolver com o conflito que eles enfrentam antes, durante e após a viagem sem torcer pelo casal protagonista. Até porque, o filme gira todo em torno deles e os outros personagens só fazem pequenas participações.

Assista o filme esperando um bom filme de ação, com um bom roteiro, excelente atuação, uma boa direção e principalmente, uma impecável fotografia que faz nos deslocarmos para dentro da tela de cinema. Mas lembre-se que é um filme de ação que também tem uma faceta romântica, se você estiver esperando algo além disso, não encontrará.

Estudante de Letras metida a astróloga graças (ou não) ao seu escorpião com ascendente em peixes e lua em aquário. Viciada em séries a ponto de se recusar a aceitar a "morte" de Lost até hoje. Precisa de injeções diárias de realidade pra não ser abduzida pela Terra do Nunca.

Leave a Reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.