Revista

O artista que vive em cada um de nós

“A ciência descreve as coisas como são; a arte, como são sentidas, como se sente que são.”
Fernando Pessoa

“O que é a arte?” Esta é uma pergunta que possui diversas respostas. No Google encontramos a seguinte definição de arte: 1. habilidade ou disposição dirigida para a execução de uma finalidade prática ou teórica, realizada de forma consciente, controlada e racional. 2. conjunto de meios e procedimentos através dos quais é possível a obtenção de finalidades práticas ou a produção de objetos; técnica.

Mas a verdade é que não dá pra definir a arte de forma final, pois a arte como ciência humana não é limitada à exatidão de termos e práticas. Arte é sentido, é visão, olfato, audição, tato, paladar, arte é abstrata, arte é concreta, arte é complexa, é simples, emociona, irrita, alegra, entristece. Há uma gama de sensações e reflexões que a arte pode nos trazer. E para mim, a arte é isso, é tudo o que nos faz sentir, nos faz pensar.

Diante disso, então o que é ser artista? Desenhar bem? Pintar? Dançar, esculpir, tocar um instrumento clássico?

Em determinado momento das nossas vidas sempre nos perguntamos se possuímos algum talento especial, que nos tornaria pessoas admiradas, respeitadas e famosas. Desenhos rabiscados nos cadernos de matemática, dançar todas as coreografias das boybands dos anos 90. Fazer 100 pontos no karaokê. Seria isso uma amostra de nossos talentos? Seríamos nós artistas ainda não descobertos, esperando só uma oportunidade pra brilhar e ganhar o mundo?

A verdade é que tudo isso é sim um pouco de arte. Cada um de nós possui dentro de si um quê de artista. Sim, pois se a arte pode ser tudo aquilo que nos faz sentir e refletir, toda vez que provocamos sensações e reflexões no outro, somos artistas. Ao escrever esse texto estou sendo artista.

Quando você tira uma foto para o Instagram e consegue captar o sentimento entre os fotografados, quando tem a sensibilidade de captar o ordinário e transformá-lo em extraordinário, você está sendo um artista. Quando você faz um discurso acalorado e mobiliza diversas pessoas por uma causa na qual acredita, você está sendo artista.

Ser artista vai além de ter uma obra para apreciação do público numa exposição. Ser artista é marcar a vida de outras pessoas. É passar pela vida, não como quem apenas passa, mas como alguém que toca, que provoca, que sente e que faz sentir.

Somos artistas e as nossas telas, nossos palcos são as pessoas a nossa volta. Faça da sua vida seu melhor espetáculo!

27 anos, pedagoga e professora, apaixonada por leitura e escrita. Sonha em tocar a vida das pessoas através dos seus mundos imaginários.

Leave a Reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.